Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Brasil investiga pelo menos possíveis 93 casos de reinfecção pela Covid-19 - Difusora FM 99.5

Fale conosco via Whatsapp: +55 67 9 9249-9001

No comando: Coração Sertanejo – Apresentação Henrique Ferian

Das 05:00 às 06:30

No comando: Difusora Noticiais – Valdecir Cremon

Das 07:00 às 08:00

No comando: O o o de Casa – Apresentação Nando Batista

Das 08:00 às 11:00

No comando: Tribuna Livre – Jornalista Valdecir Cremon

Das 11:00 às 12:00

No comando: Gospel

Das 12:00 às 13:00

No comando: Difusora Show – Apresentação Tereza Lima

Das 13:00 às 16:00

No comando: Vai de Carona – Apresentação Henrique Ferian

Das 16:00 às 18:00

No comando: Mix Difusora – Playlist Musical

Das 18:00 às 20:00

Brasil investiga pelo menos possíveis 93 casos de reinfecção pela Covid-19

 

Um levantamento feito junto a hospitais, governos estaduais e prefeitura identificou ao menos 93 casos investigados para a possibilidade de uma reinfecção pela Covid-19.

O Ministério da Saúde não confirma nenhum caso até o momento. Em nota, a pasta afirma que ser infectado novamente pelo novo coronavírus é “um evento raríssimo, que precisa ser investigado com a máxima cautela”.

Estão sendo tratados dessa forma casos em que um paciente testou positivo para o novo coronavírus em alguma oportunidade, chegou a testar negativo — estando, em tese, curado — e em um segundo momento veio a ser diagnosticado com a doença novamente.

Há, entre todos os citados no Brasil, casos com diferentes graus de documentação. Em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, um estudo da USP identificou o caso de uma técnica de enfermagem de 24 anos que teria testado positivo duas vezes em momentos diferentes.

Em outra cidade do interior paulista, Santa Bárbara d’Oeste (SP), a possível reinfectada é a própria secretária da Saúde, Lucimeire Rocha. Segundo a Prefeitura, Lucimeire contraiu a Covid-19 em maio, teve alta e voltou a ser diagnosticada para a doença no final de julho.

O estado do Ceará anota seis casos, todos em profissionais da saúde. Segundo o governo, os diagnósticos foram feitos com uma diferença de 47 a 75 dias e estavam baseados em amostras do teste RT-PCR.

O local que mais investiga casos no momento é o Hospital das Clínicas de São Paulo, onde 28 possíveis reinfecções são acompanhadas.

 

Casos de reinfecção no Brasil (Foto: imagem reprodução)

Deixe seu comentário: