Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

O pente-fino feito hoje (19) por agentes penitenciários encontrou uma bomba caseira na PED (Penitenciária Estadual de Dourados). O artefato foi localizado no raio 2, onde ficam presos da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital), e levado para Campo Grande pelo Batalhão de Choque da Polícia Militar. A Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) confirmou a localização da bomba e informou que o caso será apurado. O comando do Batalhão de Choque não quis se pronunciar. O pente-fino começou por volta de 8h20. Assim como ocorre rotineiramente, todos os presos foram levados para o pátio, onde ficaram sob vigilância de homens do Batalhão de Choque, enviados de ônibus da Capital até Dourados, enquanto os agentes vasculhavam as celas. Além do artefato caseiro, o pente-fino encontrou 72 celulares. A Agência ainda não divulgou o balanço oficial dos materiais apreendidos nas celas. Esse foi o segundo pente-fino feito no presídio de Dourados em dois meses e o primeiro após a tentativa de fuga de presos do PCC no dia 27 de novembro. Naquela madrugada, sete presos da cela 15, que fica na parte superior do raio, serraram a grade e correram para o pátio externo. A fuga foi abortada por agentes penitenciários e policiais militares. - Difusora FM 99.5

Fale conosco via Whatsapp: +55 67 9 9249-9001

No comando: Coração Sertanejo – Apresentação Henrique Ferian

Das 05:00 às 06:30

No comando: Programa Cadeia da Preçe

Das 06:30 às 07:00

No comando: O o o de Casa – Apresentação Nando Batista

Das 08:00 às 11:00

No comando: Tribuna Livre – Jornalista Joive Alves

Das 11:00 às 12:00

No comando: Hastgag

Das 12:00 às 13:00

No comando: Difusora Show – Apresentação Tereza Lima

Das 13:00 às 15:00

No comando: Top Gospel 99 – Apresentação Daniel Junqueira

Das 15:00 às 16:00

No comando: Vai de Carona – Apresentação Henrique Ferian

Das 16:00 às 18:00

No comando: Mix Difusora – Playlist Musical

Das 18:00 às 20:00

O pente-fino feito hoje (19) por agentes penitenciários encontrou uma bomba caseira na PED (Penitenciária Estadual de Dourados). O artefato foi localizado no raio 2, onde ficam presos da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital), e levado para Campo Grande pelo Batalhão de Choque da Polícia Militar. A Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) confirmou a localização da bomba e informou que o caso será apurado. O comando do Batalhão de Choque não quis se pronunciar. O pente-fino começou por volta de 8h20. Assim como ocorre rotineiramente, todos os presos foram levados para o pátio, onde ficaram sob vigilância de homens do Batalhão de Choque, enviados de ônibus da Capital até Dourados, enquanto os agentes vasculhavam as celas. Além do artefato caseiro, o pente-fino encontrou 72 celulares. A Agência ainda não divulgou o balanço oficial dos materiais apreendidos nas celas. Esse foi o segundo pente-fino feito no presídio de Dourados em dois meses e o primeiro após a tentativa de fuga de presos do PCC no dia 27 de novembro. Naquela madrugada, sete presos da cela 15, que fica na parte superior do raio, serraram a grade e correram para o pátio externo. A fuga foi abortada por agentes penitenciários e policiais militares.

O pente-fino feito hoje (19) por agentes penitenciários encontrou uma bomba caseira na PED (Penitenciária Estadual de Dourados). O artefato foi localizado no raio 2, onde ficam presos da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital), e levado para Campo Grande pelo Batalhão de Choque da Polícia Militar.

A Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) confirmou a localização da bomba e informou que o caso será apurado. O comando do Batalhão de Choque não quis se pronunciar.

O pente-fino começou por volta de 8h20. Assim como ocorre rotineiramente, todos os presos foram levados para o pátio, onde ficaram sob vigilância de homens do Batalhão de Choque, enviados de ônibus da Capital até Dourados, enquanto os agentes vasculhavam as celas. Além do artefato caseiro, o pente-fino encontrou 72 celulares. A Agência ainda não divulgou o balanço oficial dos materiais apreendidos nas celas.

Esse foi o segundo pente-fino feito no presídio de Dourados em dois meses e o primeiro após a tentativa de fuga de presos do PCC no dia 27 de novembro. Naquela madrugada, sete presos da cela 15, que fica na parte superior do raio, serraram a grade e correram para o pátio externo. A fuga foi abortada por agentes penitenciários e policiais militares.

Deixe seu comentário: